O que esse menino tem? – sobre alunos que não aprendem e a intervenção da psicanálise na escola

R$ 38,00

Este livro surgiu do desejo de divulgar possíveis ações do psicanalista no campo da Educação, mediante intervenções, propostas pela professora Ana Lydia Santiago, que se baseiam na teoria da inibição intelectual e na Clínica Pragmática, prática de aplicação da psicanálise. Tais ações visam, essencialmente, a destrinchar o sintoma do fracasso escolar ou, mais precisamente, incidir sobre formas sintomáticas que se manifestam em crianças e jovens durante a trajetória escolar e resistem a quaisquer intervenções pedagógicas implementadas, a ponto de inviabilizar, muitas vezes, a própria escolaridade.

Palavras-chave: educação, escola, psicanalise, relicario

Em estoque

Comparar

Descrição

SUMÁRIO – O QUE ESSE MENINO TEM

Apresentação 9

Introdução

A DESSUPOSIÇÃO DE SABER NA ESCOLA: ALUNO-PROBLEMA E OUTRAS NOMEAÇÕES 15

Ana Lydia Santiago

I. ALUNO LUNÁTICO OU AUGUSTO: “TENHO MEDO DO ESCURO” 23

Ana Lydia Santiago e Raquel Martins de Assis

Conversação diagnóstica: O que a escola sabe do sintoma de Augusto? 23

Leitura do sintoma: nomes e discursos na abordagem do fracasso escolar 27

Entrevista clínica: do sintoma do Outro ao sintoma do sujeito 31

Nova entrevista clínica: o que se inscreve de singular na escrita 35

Intervenção pedagógica sobre a defasagem escolar 38

Conversação devolutiva do estudo de caso: releitura do sintoma Augusto 39

II. MENINA IMATURA, INFANTIL OU ARIANE: “BONECA DA MAMÃE” 41

Ana Lydia Santiago

A família e o social na explicação do fracasso escolar 42

A que soluções pedagógicas recorrer? 43

Entrevista clínica: “saída” da posição estática 45

Intervenção pedagógica: da alfabetização ao letramento 48

III. DÉFICIT COGNITIVO E DISTÚRBIO DE CONDUTA OU ARISLEY: “É SÓ JUNTAR LETRAS E VER O QUE VAI DAR” 51

Ana Lydia Santiago Versões da causa do sintoma na escola 52

Os impasses da criança: doenças e nomes 55

O enigma do sujeito com o nome próprio: a diferença 

captada no real do corpo 57

IV. ABACAXI OU BEATRIZ: “POSSO SER MUITA COISA” 61

Ana Lydia Santiago e Raquel Martins de Assis

Entrevista clínica: a incógnita da sexualidade na Matemática 62

Intervenção pedagógica: rumo ao indeterminado 64

Antes e depois do embargo à inibição: a reinserção na escola 66

V. DOIDO INTELIGENTE OU BENÍCIO: “RECUSO O QUE ME OFERECES, POIS NÃO É ISSO” 67 Ana Lydia Santiago 

Entrevista clínica: falar do sintoma faz despertar 69

Tratamentos para a recusa a copiar 70

Sobre o sintoma apenas o sujeito ensina 74

VI. UM CASO DE DEFICIÊNCIA INTELECTUAL OU HELENA: “[…] TENHO QUE PENSAR NO QUE VOU ESCREVER?” 77

Ana Lydia Santiago

Entrevista clínica: emergência do ritornelo 78

Intervenção pedagógica: na escrita, dissociação 

entre pensamento e ação 81

VII. “EDUARDO BRUNO VAI SER DOUTOR?” OU O FILHO QUE SE TORNOU UM ENIGMA PARA OS PAIS 85

Ana Lydia Santiago e Raquel Martins de Assis

Entrevista clínica: Médico ou advogado? “Eu gosto mesmo 

é de caminhões!” 85

O pai: seu saber e suas questões 87

O filho em cena: propostas novas e concretas 91

Notas 99

Informação adicional

Peso 150 g
Dimensões 210 × 10 × 6 mm

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “O que esse menino tem? – sobre alunos que não aprendem e a intervenção da psicanálise na escola”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *