Exibindo todos 4 resultados

DA PALAVRA AO GESTO DO ANALISTA

R$ 88,00

as percepções do autor, Jorge Forbes, sobre as mudanças na clínica. Não existia, até então, uma bibliografia sobre o que hoje é chamada de Clínica do Real, ou segunda clínica de Lacan. Como houve boa aceitação e o livro foi se esgotando, tornando-se cada vez mais raro, esta nova edição não é muito diferente da original e manteve seu estilo oral, posto se tratar de um seminário estabelecido em texto, e o viço do tempo da descoberta de uma revolução clínica que o marcou.

PSICANÁLISE – A CLÍNICA DO REAL

R$ 136,00

A obra organiza-se de acordo com os tempos de um tratamento analítico: a entrada em análise, a condução do tratamento, as dificuldades de percurso e os finais da análise. Seu conteúdo reflete um extenso debate sobre temas fundamentais à prática da psicanálise no século XXI: – Como se entra em análise? – Será a partir da relação do sujeito com seu gozo, que o faz se embrulhar com o real? – Como o analista desse novo tempo dirige o tratamento? – Uma análise é para saber mais de si, para errar menos, ou é para levar a pessoa a descobrir que o saber é sempre incompleto e que a vida é um contrato de risco? – Quais as dificuldades do caminho? – O que é um final de análise? – Como se dá o término de um tratamento? Com conteúdo editado pelo psicanalista e médico psiquiatra Jorge Forbes e organizado pela professora doutora e psicanalista Claudia Riolfi, os autores, todos pertencentes à rede dos Institutos do Campo Freudiano no Brasil, prioritariamente ao Instituto da Psicanálise Lacaniana, ousaram vir a público expor como estão pensando e praticando a psicanálise no século XXI.

VOCÊ QUER O QUE DESEJA?

R$ 56,00

os descompassos entre o homem e o mundo. O livro revela que nada que alguém possa querer é suficiente para satisfazer o desejo, como dizia Lacan: ?Desejar é sempre desejar outra coisa, a ponto de podermos agradecer a quem não nos dá o que foi pedido?. O livro alerta para o drama da passagem de época, da era industrial ? pai-orientada ? à era atual, da globalização, na qual nenhum padrão universal sobrevive e em que, mais do que antes, fica evidente a distância entre o eu e o mundo. O livro fala da angústia própria à decisão. Não há decisão que não seja arriscada e que não induza à perda. O mal chamado estresse nada mais é do que a consequência do medo de decidir, que provoca o empanturramento das opções. Esta nova edição, cujo título continua a ser um pouco complicado de se repetir mas não a sua mensagem, traz novidades importantes: um sumário mais completo, o índice remissivo, o índice onomástico e uma extensa bibliografia. Tudo isso para tornar ainda mais clara a pergunta: você quer, quer mesmo o que você deseja?

VOCÊ SOFRE PARA NÃO SOFRER?

R$ 54,00

Há quem considere estranha a colaboração da Psicanálise com a Genética, como é o caso deste livro. Isso porque a grande mídia tratou de as mostrar díspares: supostamente, a Psicanálise seria o reino da subjetividade; a Genética, o da objetividade. Dois mundos incompatíveis e em conflito, com vantagem para a Genética, da qual se espera respostas para todas as aflições humanas, em especial as do amor, do talento, do gosto, das vocações. A subjetividade estaria condenada à morte pelas letras do código genético de cada um. Maktub: ali tudo estaria escrito e determinado. Seria o fim da dúvida, a elevação do humano à categoria dos animais que não duvidam ? tal qual uma vaca, que nunca contesta. Maktub retira a responsabilidade do sujeito sobre o seu destino. O ser humano sempre buscou o lugar onde estaria escrita a sua história. Se ontem era nas estrelas, hoje é no genoma, no sequenciamento dos genes humanos que se busca o conforto do Maktub. No entanto, nem tudo está escrito.