Exibindo 1–12 de 95 resultados

CORREIO 84

R$ 40,00

« Neste ano atípico, em que nossas vidas se agitaram e ainda se agitam com uma mudança imposta e aparentemente irreversível, seguimos nosso trabalho, tentando subjetivar, da melhor forma possível, os efeitos que se produzem. As relações sociais mudaram, nossa prática também foi forçada a mudar. Em um futuro próximo será possível dizer, espera-se, quais as decorrências, para a própria psicanálise, desse turbilhão que ainda nos atinge em cheio.

É desse modo que Correio 84, « Corpos que contam », se insere na cena da psicanálise: recolhendo traços e esboços de reflexões sobre como estão as coisas e como poderão vir a ficar; não há como fugir desse debate. »

Teresinha N. M. Prado.

ARQUIVOS DA BIBLIOTECA 16

R$ 20,00

palavras-chave

cartel; poesia contemporânea; psicanálise e arte; sonho; teatro

CURINGA 50

R$ 60,00

Sumário CURINGA 50

CARTAS NA MESA

12 Sobre a morte: excertos, cartas e uma anotação inédita 

  Sigmund Freud 

22 Epidemia e psicanálise

Fernanda Otoni

INTERNACIONAL

32 O amor e o mal-estar na civilização no século XXI, da mentira hedonista à experiência ética

Clotilde Leguil 

O AMOR E O OUTRO SEXO

50 Cristianismo, um supereu todo-amor

Jésus Santiago

61 No ‘fulgor das ausências’, dizer o indizível

Lucíola Macêdo

73 A falha do amor não o condena

Sérgio de Mattos 

83 O feminino infamiliar em Medeia

Cristiane Barreto

92 Erotomania: um modo de amor feminino

Frederico Feu de Carvalho

103 As parcerias e o amor em Lacan: 

da crença à impossibilidade da relação sexual

Mariana Furtado Vidigal

RESSONÂNCIAS DO PASSE

114 O passe, a amizade e o Outro sexo

Sérgio Laia

EXTIMIDADES

132 Fui Medeia, hoje não sou mais

Teresa Virgínia Ribeiro Barbosa

SUPERVISÃO: EFEITOS DE FORMAÇÃO

150 Um ponto de basta

Elisa Alvarenga

159 Comentário da apresentação: “Um ponto de basta”, de Elisa Alvarenga

Ram Mandil

RADAR 

168 A interpretação: da verdade ao acontecimento

Éric Laurent

CURINGA 49

R$ 55,00

INDICE

 

CARTAS NA MESA

12 O bom uso do semblante e o real que resiste

Helenice Saldanha de Castro

 

INTERNACIONAL

22 O que resta da crença?

Alfredo Zenoni

 

INTERPRETAÇÃO E REAL

38 Não há interpretação sem o inconsciente

Jésus Santiago

47 Uma ovelha desgarrada: a fic(x)ção de um descolamento

Fernanda Otoni Brisset

55 “Fazer surgir a falha que a frase denota”

Ana Lydia Santiago

60 A interpretação do sonho na experiência psicanalítica

Antonio Beneti

65 Interpretação: os sonhos em minha prática

Simone Souto

70 Interpretar a ambiguidade do que se cifra no sonho

Luciana Silviano Brandão

76 A produção de um significante novo na prática analítica

Samyra Assad

81 O sonho da Injeção de Irma: quando a interpretação toca o real

Laura Rubião

89 O real do tempo: trauma, repetição e acontecimento

Frederico Feu de Carvalho

96 Entre sonho e despertar… Um acontecimento

Lucíola Freitas de Macêdo

 

RESSONÂNCIAS DO PASSE

108 O término e meu momento de concluir: entre escrita e leitura

Alejandro Reinoso

114 O ventríloquo e a biruta analítica: duas versões do corpo falante…

no momento de concluir

Sérgio Laia

 

EXTIMIDADES

124 Entrevista com Nuno Ramos

 

CARTEL

154 O cartel, um modo de se enodar com o Um: laço e saber

Clara M. Holguín

 

RADAR

170 Peças soltas sobre o Passe e a Política

Oscar Ventura

 

CORREIO 82

R$ 34,99

As Ressonâncias dos Discursos.

“Vivemos em um mundo inteiramente Unheimlich” . O corpo, a tecnica, o judeu, a feminilidade, figuras do Unheimlichkeit que Jean-Luc Nancy convida alternadamente à sua reflexão, a fim de interrogar o mundo no qual vivemos. elas são o signo de uma época conturbada, que vê declinar a ordem simbólica, bala as relações sociais e “remodela os grandes aspectos da vida”? Da experiencia do estranho ao mais intimo – com o transplante, as figuras de alternidade rejeitadas pelo corpo social, o judeu, o feminino, do real do sexo ao incontrolável do Trieb.

Sale!

CORREIO 81

R$ 34,99

DESAFIOS DE LEITURA

O que pode querer dizer-nos esse fundamento histórico-politico a  não ser da possibilidade de saber ler sobre qual real se funda o que é hoje a psicanálise de “orientação lacaniana”…

A documentação recopilada dos arquivos de Jaques Lacan confirma as desavenças sobre as quis foram instituídas a fratura institucional, a formação do do analista e a pragmática da Psicanálise, e que constituíram seu principal fundamento…

Sale!

Correio 80

R$ 29,99

A Psicanálise Em Tempos Opacos.

Há os tempos  felizes, os sombrios, os revigorantes, os calmos e aqueles turbulentos, mas é o significante “opaco” o que parece melhor dizer da tessitura pouco permeável à significação desse tempo que é o nosso, a galopar ensandecido; e da deriva dos gozos a se alstrar em diferentes campos e vertentes, não nos permitindo reviver, por ora,  letra da linda canção de Gilberto Gil, que, em seu álbum Refavela, lançado em 1977, poeticamente embalado por kairós, entoava “O melhor lugar do mundo é aqui e agora”…

AGENTE Nº 18

R$ 50,00

Recolher no duplo sentido da palavra. Eis o propósito da Agente 18 que vocês têm entre as mãos. Colhe os frutos do trabalhado em 2018 na Seção Bahia da EBP e reúne intimamente o que de outro modo permaneceria disperso. Também nos servimos do sentido dicionarizado de deixar o lugar onde se estava, para ir abrigar-se, ficar sozinho num local privado, íntimo. A intimidade opaca da vida de momentos de vida da Seção Bahia nesse objeto êxtimo que oferecemos para vocês leitores.

Agente n.18 Revista da Seção Bahia da Escola Brasileira de Psicanálise, 2019.

Sale!

Correio 78

R$ 24,99

Dizer Sobre O Parlêtre.

[…] façamos a aposta de que analisar o parlêtre é o que já fazemos, resta-nos saber dize-lo.

Parlêtre é nome novo para o inconsciente conceitualizado a partir da fala que inaugura o ser e o separa de seu corpo, tal como nos propõe Miller em sua leitura do ensino de Lacan.